Câmara

Sessão Solene entrega honrarias a dois novos Cidadãos Itapevenses.

Por Assessoria da Câmara_publicado por Edson Takao Inaba

Publicado em 19/11/2019 17:42
Foi realizada na quinta-feira (14), sessão solene para entrega de honrarias a dois novos Cidadãos Itapevenses.

A cerimônia foi presidida pelo vereador Laércio Lopes, 1º vice-presidente da Câmara Municipal, pelo vereador Márcio Supervisor, 2º secretário da mesa e com a presença dos vereadores: Débora Marcondes, Wiliana Souza, Edivaldo Negão, Marinho Nishiyama, Rodrigo Tassinari, Sidnei Fuzilo, Tião do Táxi e Toni do Cofesa e Dr. Pedro Correa, autor das honrarias.

Foram homenageados o Sr. Antonio Francisco Savi, Diretor do Campus da Unesp de Itapeva e a Srª. Juliana Cortez Barbosa, Vice Coordenadora Executiva do Campus da Unesp de Itapeva.

O Sr.Antonio Francisco Savi, natural da cidade de São Paulo, Capital, filho do Torneiro Mecânico, Gerson Savi e da Dona de Casa Iolanda Buran Savi.

Em 2009, prestou concurso na Universidade Estadual Paulista, Campus de Itapeva, como Professor Substituto, e atuou em disciplinas que envolvem a Engenharia de Produção no Curso de Engenharia Industrial Madeireira.
Em 2011, prestou concurso de Professor Assistente Doutor continuando com as devidas disciplinas.
Em 2013, atuou também como Vice-Coordenador de Curso e em 2015 como Coordenador de Curso, ambos do curso de Engenharia Industrial Madeireira. Desenvolve projetos de pesquisa na área de Gestão Empresarial, Gestão do Conhecimento e Desenvolvimento de Produtos. Atua em projetos extensionistas de geração de renda, desenvolvimento empresarial e desenvolvimento de softwares.
Atua em frentes para ampliar o auxílio à comunidade do conhecimento gerado na Universidade, como disponibiliza os meios físicos da mesma que podem ser compartilhados. Projetos como: APL (Arranjo Produtivo Local), CDR (Centro de Desenvolvimento Regional), CTI (Centro Tecnológico de Inovação), Projetos de Pontes de Madeira, Projetos de Brinquedos Pedagógicos, Projetos de Geração de Renda com produtos derivados do Bambu, Projetos de Reciclagem de Professores de Matemática e Física do Ensino Médio são exemplos de projetos desenvolvidos pelo Campus de Itapeva da UNESP.
Desde 2017 atua como Diretor do Campus de Itapeva da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”.


A Srª. Juliana Cortez Barbosa, natural da cidade de São Paulo, Capital, filha do engenheiro, Uriel Barbosa Junior, e da professora de Matemática Helena Ferreira Cortez Barbosa.

Prestou concurso público, em julho de 2005 para trabalhar como pesquisadora e professora no curso de Engenharia Industrial Madeireira na Unesp de Itapeva.
Nestes anos em que reside em Itapeva, atuou em diversos projetos de Extensão Universitária e para o Desenvolvimento Tecnológico junto às comunidades carentes. Um deles, em andamento desde 2007, o projeto "Educação em Madeira" que resultou no desenvolvimento de aparelhos de fisioterapia em madeira para recuperação de movimento finos de membros superiores, e aparelhos de pilates, doados para a APAE de Itapeva, juntamente com muitos alunos do curso e do Grupo PET, conquistando o registro de 3 patentes de produtos e processos.

No ano de 2016, aprovou um projeto, juntamente com membros do Grupo de Pesquisa Ligno, no Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação (MCTIC), intitulado "Cultivo e Transformação do Bambu como Alternativa Sustentável para Geração de Renda na Agricultura Familiar" e através deste projeto já foram atendidas aproximadamente 2000 pessoas gratuitamente para ampliar sua renda no campo, em função de todo o potencial produtivo do bambu, como produção de carvão, broto comestível, construções, cestaria, móveis, manejo, tratamento e produção de mudas de bambu, ampliando assim seus laços de amizade e curriculum de bons serviços prestados a comunidade através da universidade Unesp.
Em 2017 foi nomeada vice coordenadora executiva do Campus da Unesp de Itapeva.

A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação da Assessoria da Câmara e do autor. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV Câmara de Itapeva e, caso estejam explicitados, os autores.

A falta dessas informações implicará no crime de plágio e direitos autorais em vigor por meio da Lei Federal nº 9.610/98.

Busca de notícias

Notas

Notícias

Proposituras

Procure aqui

Siga-nos